Publicidade

Domingo tem feirinha do artesanato no Parque Ecológico

IMG 0638Artesãos ganham mais um espaço para seus trabalhos

A partir deste mês, todos os domingos, às 15h30, cerca de vinte artesãos matonenses se reúnem no Parque Ecológico para a realização da feirinha do artesanato, que conta com trabalhos de artesanato e artes visuais. A iniciativa da realização da feira é da Prefeitura de Matão por intermédios do Departamento de Cultura e da Divisão de Tributos.

O objetivo é gerar oportunidades de negócios e valorizar o trabalho destes empreendedores informais, uma vez que serão comercializados diversos produtos, como guardanapos pintados à mão, enxovais para bebês, bonecas em tecido, tapetes, chinelos bordados, agendas, porta-recados, carteiras, potes decorados e também arte em ferragens.

A feirinha

A feirinha do artesanato já é desenvolvida aos sábados na praça ‘Leônidas Calígola Bastia’, das 9h às 13h, e conta com o apoio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico. ‘Esta é uma maneira destes profissionais conseguirem viabilizar seus negócios. A diversificação é importante e somar é a premissa maior para atender a nossa comunidade’, cita o secretário de Planejamento e Desenvolvimento Econômico, Hudson Aparecido Martins.

Entre os artesãos que participam das feirinhas, estão Rita de Cassia Ferreira Simão, Izabel e Jerusa Conceição, Luzia Moraes de Brito Amaral e Benicio Francisco do Amaral, Maria Nair Costa Pereira Katia, Andreia, Liliane e Viviane, Irene de Medeiros Vieira, Maria Oliveira, Elisandra Gonçalves, Carla Campos e Nanci Campos (mãe e filha), Wilson José Fidelis, Thatyani Miniussi e Aparecida Yoshizaki.

Júlio Cesar Ribeiro, diretor do Departamento de Cultura salienta que a feira é uma maneira de fomentar a geração de renda destes profissionais e reitera que os interessados em participar podem procurar mais informações na Casa da Cultura. ‘Dentre todas as preocupações do prefeito Esquetini, está o credenciamento dos artesãos que estejam engajados no projeto municipal de geração de renda e, assim, num futuro próximo, poderem comercializar seus produtos em todo o Estado de São Paulo’.

 

Pesquise no Site

Publicidade