Publicidade

A greve continua em Matão no setor de metalurgia

IMG 4494-7a659b3accAs duas Maiores fábricas de implementos agrícolas da cidade de Matão Baldan e Marchesan continuam em greve.

Desde a segunda-feira 18/10 não passou na assembleia a proposta feita pelo patronal que é de 9,62% de reajuste salarial.

Os trabalhadores reivindicam 12% mais abono, o Sindicato dos Metalúrgicos de Matão tentam um novo acordo com uma proposta melhor.

As empresas paralisadas protocolaram no Sindicato um pedido de volta ao trabalho nesta terça-feira (19), para dar andamento às negociações, mas a mesma foi reprovada em assembleia na manhã de hoje.

Pesquise no Site

Publicidade