Publicidade

Funcionários da empresa Azalea (Limpus) entraram em Greve em Matão

DSC 0039Mais de 100 funcionários da Limpus, empresa que coleta o lixo urbano em Matão entraram em greve

Serviços de coleta de lixo e roçagem estão parados, os funcionários da empresa chegaram acionar a Polícia Militar.

Segundo informações dos trabalhadores há irregularidade nos depósitos do Fundo de Garantia, quitação de férias etc.

O Prefeito Edinardo Esquetini tenta solucionar o problema, porém o mesmo é contra um reajuste de 100% no contrato com a empresa.

Em dezembro de 2016 o valor mensal foi de R$ 750.000,00, valor reajustado para R$ 1.500.000,00 para mais seis meses.

O Jurídico da Prefeitura tenta o cancelamento deste reajuste ou até o cancelamento do mesmo, a cidade está à três dias sem coleta do lixo. Fotos Maury Jr “mataourgente”

Pesquise no Site

Publicidade