Publicidade

Matão recebe 2ª edição do projeto 'Cidade das Cores'

A Arte de Jota Aracê esta de volta em Matão Projeto atenderá três instituições de ensino do município; Aulas iniciam dia 27 de maio.

A Prefeitura de Matão, por meio da Secretaria de Educação e Cultura, em parceria com a ComTexto Cultural e com apoio cultural da Brasilux Tintas, realiza a 2ª edição do projeto 'Cidade das Cores'.  Desta vez, a proposta será desenvolvida nas seguinte unidades escolares:  EMEF Benta Maria Ragassi Scutti (CAIC, Vila Cardim); EE Dr. Leopoldina Meira de Andrade (Jd. Paraiso); e EMEF Prof. Antônio Carlos Manzini (Nova Cidade).

O projeto é aprovado pela Secretaria Especial da Cultura e do Ministério da Cidadania pela Lei de Incentivo à Cultura. As inscrições podem ser feitas nas secretarias das escolas, das 8h às 17h. As vagas são por ordem de chegada. Para se inscrever, é necessário apresentar o RG e o CPF originais e, caso seja menor de idade, levar um responsável. Ao todo, serão realizadas três oficinas, todas com 20 alunos por sala.

O cronograma de aulas ficou dividido da seguinte forma: Turma I - de 27 a 31 de maio, das 7h30 às 11h30, no CAIC; Turma II - de 10 a 14 de junho, das 13h às 17h, na EE Dr. Leopoldina Meira de Andrade; e Turma III - de 24 a 28 de junho, das 13h às 17h, na EMEF Prof. Antônio Carlos Manzini. Com atividades teóricas e práticas – sendo cinco aulas com 4 horas diárias – as oficinas têm início com a introdução à história do grafitti. Em seguida, serão transmitidos vídeos e imagens sobre os principais estilos da arte e artistas. Na sequência, os alunos terão as primeiras experiências práticas, com exercícios em grupo para começarem a desenvolver os primeiros trabalhos em telas e, posteriormente, aprenderão a desenvolver a técnica com spray.

O 'Cidade das Cores' foi idealizado pelo artista Aracê e será oferecido gratuitamente durante o mês de maio e junho nas escolas participantes.  Podem participar jovens com idades entre 12 e 18 anos. Também há vagas destinadas às pessoas com deficiência. “A proposta é impulsionar e valorizar a produção artística e cultural na cidade, estimulando os jovens a utilizarem a arte do grafitti como uma ferramenta de expressão e comunicação. As oficinas são voltadas para todos que desejam aprender mais sobre os materiais, conceitos e técnicas, bem como explorar a criatividade”, afirma o artista Aracê.

Vale destacar que, para esta produção, oito artistas plásticos serão convidados a participar juntamente com o artista responsável pelas oficinas. Ao todo, serão confeccionados 121 paineis pelo projeto. Para Mirela Jabur, gerente de marketing da Brasilux Tintas, a 2ª edição do 'Cidade das Cores' mostra o quanto este projeto agradou ao público. “Além de ser uma forma de demonstrar carinho às cidades e comunidades em que estamos inseridos, também podemos contribuir com a formação dos jovens que têm a possibilidade de desenvolver trabalhos autorais e explorar novos talentos”, explica ela.

De acordo com a secretária Adriana Marangoni, o projeto ganhou destaque na cidade no ano passado, quando a ETEC 'Sylvio de Mattos Carvalho' recebeu a intervenção artística. “Para este ano, com certeza será o mesmo êxito. Para 2019, observamos que a proposta vem arrojada, uma vez que será desenvolvida diretamente no ambiente escolar, sobretudo, em locais distintos, atendendo, portanto, diversas pessoas de diferentes bairros. Observamos que a proposta vem ao encontro do Projeto Municipal de Descentralização da Cultura, oferecido pela Prefeitura de Matão, levando as manifestações artísticas para a população gratuitamente. Só temos a agradecer essa parceria”, frisa.

Aracê  

Formado em comunicação, Aracê trabalha com arte urbana há mais de 10 anos e desenvolve projeto artístico com jovens e crianças desde 2010 em escolas municipais e estaduais da região.  Com foco em estimular a criatividade e a expressão pacífica, foi responsável por oficinas no SESC, Senac, Uniara, Uniseb (Ribeirão Preto), na Fundação Casa, entre outros locais. Em 2017, foi convidado para ministrar uma oficina de arte urbana em Torres Vedras – Portugal para o projeto cultural Bang Art Lab. De 2014 a 2016, Aracê foi professor de graffiti em curso oferecido pela Casa da Cultura de Araraquara. Em 2017, foi o artista homenageado em Corpus Christi, quando, na oportunidade, sua arte integrou os quadros dos tapetes da Procissão de Corpus Christi. Em 2018, realizou o projeto 'Cidade das Cores' na Casa da Culturade Matão.

ComTexto Cultural

A ComTexto aliou sua experiência de 24 anos na área de comunicação corporativa à sua expertise com eventos e ações de fomento à cultura e criou o seu braço cultural. A empresa trabalha na formatação, produção e gestão de projetos em diversas áreas, como cultura, educação, sustentabilidade, esporte e responsabilidade social, por meio do Programa de Ação Cultural (Proac), da Secretaria de Cultura do Estado de São Paulo, da Lei Rouanet, do Ministério da Cultura, entre outras leis de incentivo, como a do Esporte.

Brasilux Tintas

A Brasilux Tintas foi fundada em Matão em 1993, tornando-se na atualidade um dos maiores grupos industriais do mercado brasileiro de tintas, responsável por uma série de patentes a partir de pesquisas e desenvolvimento de seus produtos. Com foco na excelência de produtos e serviços e na entrega de bem-estar, decoração e proteção, a empresa desenvolve soluções de revestimentos para todo tipo de superfícies com foco nos setores automotivo, moveleiro, industrial e imobiliário. Por meio dos mais sofisticados e rigorosos testes, a Brasilux Tintas conquistou o certificado de aprovação NBR ISO 9001:2008, o que atesta a conformidade da empresa no desenvolvimento de tintas, vernizes, catalisadores e resinas. A Brasilux Tintas é apoiadora de projeto culturais como o 'Cidade das Cores'.

Pesquise no Site

Publicidade