Publicidade

Secretaria de Saúde monta força-tarefa para atendimentos em casos suspeitos de dengue

1Operação será realizada em todas unidades da Estratégia Saúde da Família (ESF) da cidade

Na manhã da última terça-feira (12), médicos que prestam atendimento na rede básica de Saúde se reuniram para articular uma operação força-tarefa para o atendimento dos casos suspeitos de dengue que vem crescendo na cidade de Matão. A reunião teve como objetivo agilizar os atendimentos e resultados dos exames. Desde quarta-feira (13), as unidades da Estratégia Saúde da Família (ESF) estão estruturadas para receber a população.

2Segundo o secretário de Saúde, Dr. João Guimarães, os ESFs já receberam orientações e materiais para os atendimentos. “Nós pedimos a população para que vá até as unidades de ESF da rede básica de Saúde porque estão munidos de soro, médicos aptos e remédios, assim como exames, ou seja, tudo o que é necessário para realizar este atendimento adequado.

É bom ressaltar que o Pronto Socorro deve ser limitado aos casos graves de pacientes que necessitam de internação, sendo estes a minoria dos cargos”, fala.Até o fechamento desta matéria, o Posto de Saúde do Centro informou que Matão possui 56 casos confirmados e 418 suspeitas aguardando resultados apenas pela rede pública de Saúde, além de duas suspeitas de Zika e uma de Chikungunya. “O município ainda não está vivendo uma epidemia, por isso, a Secretaria de Saúde já está realizando a prevenção para evitar problemas e preocupações futuras.

3O Controle de Vetores também vai buscar os números da rede particular para saber a totalidade dos casos e suspeitas na cidade”, relata o secretário Dr. João.Para evitar mais casos, é fundamental verificar todos os objetos e possíveis criadouros como vasos de plantas com água, pneus, garrafas pet ou qualquer objeto que possa juntar água.

Quando os agentes identificados estiverem passando no bairro para verificar as residências, é necessário deixar que entrem na casa e, ao receber a visita da equipe da Vigilância, ajude no trabalho dos profissionais e, caso tenha cães em casa, prenda-os para evitar que os agentes sejam atacados.O plano de ação desenvolvido pelo Controle de Vetores de Matão é constituído por vistorias regulares dos agentes nas residências do município.

As visitas feitas pelos agentes de combate às endemias também são realizadas em imóveis especiais, como escolas, creches e clubes, além de outros pontos estratégicos, como borracharias, indústrias e ferro velho. Ainda acontece o recolhimento de pneus em ruas e oficinas toda semana. Bloqueios em casos de suspeita também são realizados na cidade com análise de possíveis criadouros em um raio de 500 km de onde já tem casos confirmados de dengue.

Pesquise no Site

Publicidade